Meus outros blogs:

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Iluminam monumentos contra a pena de morte

Mais de 20 cidades portuguesas vão hoje iluminar um edifício simbólico, tal como centenas de cidades por todo o mundo, num protesto contra a pena de morte.
O objetivo da iniciativa Cidades pela Vida, promovida em Portugal pela Amnistia Internacional, é conseguir a abolição da pena de morte.
Este ano aderem 1307 cidades de 85 países. A campanha surgiu pela primeira vez em 2002, por ideia da Comunidade de Santo Egídio, de Itália.

A pena de morte (ou pena capital) é uma sentença aplicada pelo poder judiciário que consiste em retirar legalmente a vida a uma pessoa que cometeu, ou é suspeita de ter cometido, um crime que é considerado pelo poder como suficientemente grave e justo de ser punido com a morte. Actualmente, muitos países admitem a pena de morte em casos excepcionais, como em tempo de guerra e em situações de extrema gravidade.

A pena capital foi aplicada em quase todas as civilizações através da história. Hoje em dia, quase todas as democracias, como a França, a Alemanha ou Portugal, aboliram a pena de morte. A maioria dos estados federados dos Estados Unidos, principalmente no sul, retomaram essa prática após uma breve interrupção durante os anos 1970. Os Estados Unidos são uma das raras democracias, juntamente com o Japão, a continuar a aplicar a pena de morte. A pena capital resta ainda presente e comum em vários países não-democráticos.

A Convenção Europeia dos Direitos Humanos recomenda a sua proibição.
Mapa de países com pena de morte Legenda:
Azul - Abolida para todos os crimes
Verde - Legalizada para crimes cometidos apenas em circunstâncias excepcionais (p.ex., crimes cometidos em tempo de guerra)
Laranja - Abolida na prática mas legal
Vermelho - Pena de morte legalizada

Através do mapa é possível observar que existe uma maioria de países com a pena de morte abolida para todos os crimes e com a pena de morte legalizada. De seguida, com menos percentagem, verifica-se que se encontram os países com pena capital abolida na prática mas legal. Por fim com a menor percentagem encontram-se os países cuja pena de morte é abolida para todos os crimes exceptuando os cometidos em circunstâncias excepcionais.

Métodos de Execução Existem diversos métodos de excussão do criminoso, entre eles destacam-se os seguintes:
Afogamento - O condenado é afogado.
Apedrejamento - Lançam-se pedras sobre o condenado, até à sua morte.
Arrancamento - Os quatro membros são arrancados do corpo.
Cadeira eléctrica - O condenado é imobilizado numa cadeira, sofrendo depois tensões eléctricas de 20.000 volts.
Câmara de Gás - O condenado é colocada numa câmara, no qual se liberta um gás mortífero
Decapitação - A cabeça é decepada.
Degola - Corta-se a garganta ao condenado.
Empalação - Um pau pontiagudo penetra pelo orifício anal do condenado, até à boca, peito ou costas.
Enforcamento - A vítima é pendurada por uma corda à volta do pescoço, cuja pressão provoca asfixia.
Enfossamento - O condenado é lançado para um buraco e tapado com terra.
Esfolamento - Mata-se a vítima tirando-lhe a pele.
Esmagamento - O corpo é total ou parcialmente sujeito a uma forte pressão, quebrando os ossos e esmagando órgãos.
Flechas - Arqueiros atingem o condenado com flechas.
Fogueira - O condenado é queimado vivo.
Fuzilamento - Um pelotão dispara sobre o condenado.
Inanição - O condenado é deixado, de alguma forma, ao abandono e sem alimentos.
Injecção letal - Administra-se no condenado uma mistura fatal de produtos químicos, por via intravenosa.
Perfuração do ventre - Consiste em furar o ventre.
Precipitação - O corpo é lançado de um monte.
Retalhamento - Cortam-se partes do corpo do condenado, até o matar.
Roda - Depois de atado a uma roda, o condenado é vítima de golpes.
Vergastação - O condenado é chicoteado até à morte.

Abolição da Pena de Morte Na última década mais de três países por ano, em média, têm abolido a pena de morte para todos os crimes. Uma vez abolida, a pena de morte raramente é reintroduzida. Desde 1990, mais de 35 países aboliram a pena de morte oficialmente ou, tendo-a anteriormente abolido para a maior parte dos crimes, decidiram aboli-la para todos os crimes.
Mas porquê a Abolição da Pena Capital
A pena de morte deve ser abolida em todos os casos sem excepções, devido a todos estes casos:
- A pena capital viola o direito à vida assegurado pela Declaração Universal dos Direitos Humanos;
- Representa a total negação dos Direitos Humanos;
- É o assassínio premeditado e a sangue frio de um ser humano, pelo estado, em nome da justiça;
- É o castigo mais cruel, desumano e degradante;
- É um acto de violência irreversível, praticado pelo estado;
- É incompatível com as normas de comportamento civilizado;
- É uma resposta inapropriada e inaceitável ao crime violento.

Site sobre a pena de morte

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Prioridades

Uma senhora bem idosa estava no convés de um navio de cruzeiro segurando firmemente o seu chapéu com as duas mãos para não ser levado pelo vento. Um cavalheiro aproxima-se e diz-lhe:
- Perdoe-me, senhora...não pretendo incomodar, mas a senhora já notou que o vento está a levantar bem alto o seu vestido?
- Já, sim, mas é que eu preciso de ambas as mãos para segurar o chapéu.
- Mas, minha senhora.... deve saber que suas partes íntimas estão sendo expostas!
A senhora olhou para baixo, depois para cima, e respondeu:

- Cavalheiro, qualquer coisa que o Sr. esteja vendo aqui em baixo tem 85 anos. O chapéu eu comprei ontem!

domingo, 28 de novembro de 2010

sábado, 27 de novembro de 2010

Um dia...

um dia,
voltarei a ver-te e a segurar o teu dedo outra vez...
E dançar como antigamente,
agarrada a tua perna, com um sorriso de orelha a orelha...
You are in my heart...
Always and Forever...

Comentário:
No outro dia, num espectáculo
Ao ouvir os violinos, violoncelos, percussão, flautas…
A música perdura nos meus ouvidos,
Os meus olhos carregavam a natureza, o verde, o vento…
Fechei os olhos e voei, flutuei, pairei
Meus pés estavam de bicos,
Minhas mãos o calor das tuas…
E dançávamos ao som da música.
E sorria ao olhar para ti, Pai
Senti-te tão pertinho de mim,
Os olhos encheram de lágrimas
Que caíram como duas pérolas…
Queria mais… mas acordaram-me. :)

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Banco Alimentar

Bancos Alimentares realizam mais uma Campanha de recolha de alimentos em 27 e 28 Novembro.
Numa altura em que a solidariedade é mais do que nunca necessária, os Bancos Alimentares Contra a Fome voltam a apelar à generosidade de toda a sociedade civil em mais uma campanha de recolha de alimentos.

Mais de 27 mil voluntários vão convidar os portugueses a serem solidários com os mais necessitados da sua região, doando alimentos, em 17 regiões do país (Lisboa, Porto, Coimbra, Évora e Beja, Aveiro, Abrantes, S.Miguel, Setúbal, Cova da Beira, Leiria-Fátima, Oeste, Algarve, Portalegre, Braga, Santarém, Viseu e Viana do Castelo).

Os Bancos Alimentares Contra a Fome apoiam 1.750 instituições de solidariedade, que concedem apoio alimentar a mais de 275 mil pessoas comprovadamente carenciadas. Só no ano passado foram distribuídas 23 mil toneladas de alimentos (equivalentes a um valor global estimado superior a 31,4 milhões de euros), ou seja, um movimento médio de 90,7 toneladas por dia útil.
No 1º trimestre de 2009 verificou-se uma crescente procura de apoio alimentar, tanto por parte das instituições beneficiárias, como directamente por pessoas carenciadas, em linha com o agravamento da situação económica e com o crescimento do desemprego, que tem vindo a afectar um cada vez maior número de famílias portuguesas.

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Chá das Cinco da Casa de Goa

No último CHÁ DAS CINCO de 2010 vamos passar mais uma tarde agradável deliciando-nos com alguns doces e salgados tradicionais da cozinha goesa e indiana.

Às 16.30 horas, a 100% Zen apresenta-vos a Quick Massage:
Esta massagem resulta da conjugação da Massagem Indiana com algumas técnicas Japonesas. Promove o relaxamento imediato com sessões de 15 ou 30 minutos.
Trabalha a zona lombar, dorsal, cervical, braços e cabeça.

Às 17.00 horas iniciamos o nosso convívio à volta de uma chávena de chá preto ou chá indiano, o habitual bazar de doces e salgados e muita conversa.

Às 19.00 horas: É projectado na Casa de Goa o documentário “O Outro” filmado em Goa entre 2006 e 2009.
Seguir-se-á um debate sobre a identidade Goesa que é o tema central do documentário.
No painel de debate estarão presentes o
- Prof Narana Coissoró - presidente da Casa de Goa,
- Dr. Sergio Mascarenhas - ex delegado da Fundação Oriente em Goa,
- Dr. Jason Fernandes – professor universitário e
- Dr. Francisco Veres Machado - realizador do filme.
A sessão deverá terminar por volta das 21 Horas.

Esta sessão realiza-se no dia em que, há exactamente 500 anos, Afonso de Albuquerque derrotou Adil Shah nas margens do rio Mandovi conquistando Goa que se tornou assim a primeira colónia do império marítimo Português.

Agradecemos que se inscrevam:
CASA DE GOA Calçada do Livramento, 17 1350-188 Lisboa, junto ao Palácio da Necessidades
Tem um parque de estacionamento a seguir à entrada principal
Secretaria da Casa de Goa - Telef 21 3930078 e casadegoa@sapo.pt
Horário : das 15.00 h às 19.00 h de segunda a sexta

Venha com calma e com tempo.

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Greve Geral - 24

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Dê um final feliz à história de muitas crianças: dê um livro!


O  Banco de Livros  é uma iniciativa levada a cabo pelas Livrarias Bertrand em parceria com oBanco de Bens Doados e com a Fundação Pró Dignitate.
O objectivo desta iniciativa é levar a leitura às crianças mais carenciadas, criando assim oportunidades de leitura e contacto com este bem essencial a que muitos não têm acesso. Instituições sociais de norte a sul do país serão as beneficiadas desta acção que acontece agora e pela primeira vez em Portugal. A acção terá lugar de 15 de Novembro a 05 de Dezembro, em todas as livrarias Bertrand do país.  

No total são 52 livrarias, sendo que a cada uma correspondem duas instituições da localidade  a beneficiar. No nosso entender, esta iniciativa permite aproximar as pessoas que oferecem das que recebem e nós acreditamos que é deste pressuposto que pode partir o sucesso da acção.
Consulte aqui a listagem de instituições

Cada pessoa que se dirigir a uma Livraria Bertrand será convidada a oferecer um livro no âmbito desta campanha. Os livros para oferta serão recolhidos num contentor específico – o Livrão –,que se encontra em todas as Livrarias Bertrand, sendo a distribuição pelas instituições apoiadas da responsabilidade do Banco de Bens Doados.

Ao deixarmos adormecer...

"Se pudéssemos ter consciência do quanto a nossa vida é passageira,
talvez pensássemos duas vezes antes de jogar fora as oportunidades,
em que temos de ser e de fazer os outros felizes!!"

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Operação Nariz Vermelho

Receber a visita particular de um Doutor Palhaço é uma experiência fantástica e muito especial para uma criança. Quando um palhaço entra num hospital é um evento tão inesperado que transporta as pessoas automaticamente para o momento presente. É esta a nossa maior dádiva, porque nesse espaço mágico tudo é possível.

Entretanto é importante lembrarmos que um hospital não é um circo…e para poder estar perto da criança hospitalizada o artista terá que adaptar as regras do seu jogo e agir em perfeita consonância com o trabalho dos profissionais de saúde, o ambiente e o público para o qual se dirige. Assim, o Doutor Palhaço surge como uma nova profissão, uma especialização do trabalho do palhaço. Um profissional que não é nem um terapeuta nem um palhaço comum. Uma arte que exige uma profunda capacidade de perceber o outro o seu ambiente e improvisar a partir disto. Não existe show, não existe o grande público. É uma conexão humana, um momento de cada vez, um paciente de cada vez, um coração de cada vez...

“Para ser um bom Doutor Palhaço não basta criar momentos de alegria, você tem que ser a alegria. É a alegria que vem do coração, é a alegria em movimento"
Patch Adams

As regras do jogo: Actuar de Improviso - A abordagem dos Doutores Palhaços - Visitas Regulares e Sistemáticas - A Desdramatização dos Procedimentos Hospitalares - Potenciar o Riso

Formação: Um Doutor Palhaço além de dominar as técnicas artísticas tem também formação específica sobre o espaço hospitalar e a criança.

Processo selectivo: As nossas selecções acontecem em média a cada dois anos e são divulgadas através do nosso site.

Código de ética: O bem estar das crianças com quem trabalhamos é a nossa prioridade.

Comentário: Adorei a reportagem ontem.
"A coisa mais bonita que podemos receber, é um sorriso de uma criança..."

domingo, 21 de novembro de 2010

Quando se monta a árvore de Natal?

As árvores de Natal estão presentes em diversos lugares na época natalina, pois, além de decorar, simbolizam paz, alegria e esperança. As árvores de Natal também simbolizam a vida, pois em dezembro no hemisfério norte, ocorre o inverno e as árvores perdem as folhas. Uma árvore frondosa e cheia de enfeites simboliza a vida.

Dia de montar a árvore de Natal
De acordo com a tradição católica, a árvore de Natal deve ser montada a partir do dia 30 de novembro, que é o começo do período do advento. Sua montagem deve ser aos poucos, intensificando-se a partir de 17 de dezembro (momento em que a Bíblia começa a falar do nascimento de Jesus). Em 6 de janeiro (Dia de Reis), de acordo com esta tradição, é o dia de desmontar a árvore de Natal.

sábado, 20 de novembro de 2010

Evento- Momentos 4P

-----------------------------------------------------------------------
4 de 4 Objectivos , 4 Momentos , 4 Horas e 4 vezes ao ano
P de Participar, Partilhar, Progredir e Promover
---------------------------------------------------------------------- .

Evento especialmente dedicado a quem tenha a idade compreendida enre os 20 e os 45 anos .

Do programa que consta no convite,destacamos um dos momentos mais significativos que é : Experiências em Conversa
São temas práticos que permitirão interessantes debates e um enriquecimento formativo tendo em conta a vasta e variada experiência do profissional em presença
O tema desta primeira sessão é sobre Recursos Humanos - Competências de Sucesso e a profissional é a Dra Eunice Antunes hoje Directora de Recursos Humanos da Sanofi-Aventis tendo desempeenhado a mesma função noutras grandes multinacionais como terão oportunidade de conhecer o seu curriculum em sintese...


Pagina no Facebook

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

José Saramago

José de Sousa Saramago (Azinhaga, Golegã, 16 de Novembro de 1922 — Tías, Lanzarote, 18 de Junho de 2010) foi um escritor, argumentista, jornalista, dramaturgo, contista, romancista e poeta português.

Foi galardoado com o Nobel de Literatura de 1998. Também ganhou o Prémio Camões, o mais importante prémio literário da língua portuguesa. Saramago foi considerado o responsável pelo efectivo reconhecimento internacional da prosa em língua portuguesa.[1]

O seu livro Ensaio Sobre a Cegueira foi adaptado para o cinema e lançado em 2008, produzido no Japão, Brasil e Canadá, dirigido por Fernando Meirelles (realizador de O Fiel Jardineiro e Cidade de Deus). Em 2010 o realizador português António Ferreira adapta um conto retirado do livro Objecto Quase, conto esse que viria dar nome ao filme Embargo, uma produção portuguesa em co-produção com o Brasil e Espanha.

Nasceu no distrito de Santarém, na província geográfica do Ribatejo, no dia 16 de Novembro, embora o registo oficial apresente o dia 18 como o do seu nascimento. Saramago, conhecido pelo seu ateísmo e iberismo, foi membro do Partido Comunista Português e foi director-adjunto do Diário de Notícias. Juntamente com Luiz Francisco Rebello, Armindo Magalhães, Manuel da Fonseca e Urbano Tavares Rodrigues foi, em 1992, um dos fundadores da Frente Nacional para a Defesa da Cultura (FNDC). Casado, em segundas núpcias, com a espanhola Pilar del Río, Saramago viveu na ilha espanhola de Lanzarote, nas Ilhas Canárias.

Obras publicadas
Romances: Terra do Pecado, 1947; Manual de Pintura e Caligrafia, 1977; Levantado do Chão, 1980; Memorial do Convento, 1982; O Ano da Morte de Ricardo Reis, 1984; A Jangada de Pedra, 1986; História do Cerco de Lisboa, 1989; O Evangelho Segundo Jesus Cristo, 1991; Ensaio Sobre a Cegueira, 1995; Todos os Nomes, 1997; A Caverna, 2000; O Homem Duplicado, 2002; Ensaio Sobre a Lucidez, 2004; As Intermitências da Morte, 2005; A Viagem do Elefante, 2008; Caim, 2009
Peças teatrais: A Noite; Que Farei com Este Livro?; A Segunda Vida de Francisco de Assis; In Nomine Dei; Don Giovanni ou O Dissoluto Absolvido
Contos: Objecto Quase, 1978; Poética dos Cinco Sentidos - O Ouvido, 1979; O Conto da Ilha Desconhecida, 1997.
Poemas:Os Poemas Possíveis, 1966; Provavelmente Alegria, 1970; O Ano de 1993, 1975.
Crónicas: Deste Mundo e do Outro, 1971; A Bagagem do Viajante, 1973; As Opiniões que o DL Teve, 1974; Os Apontamentos, 1977.
Diário e Memórias: Cadernos de Lanzarote (I-V), 1994; As Pequenas Memórias, 2006.
Viagens: Viagem a Portugal, 1981
Infantil: A Maior Flor do Mundo, 2001

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Cimeira da NATO em Lisboa

A Cimeira da NATO em Lisboa realiza-se nos dias 19 e 20 de Novembro de 2010, na FIL, Parque das Nações, em Lisboa. É uma reunião com os 27 líderes da União Europeia e membros da NATO, que terá como temas centrais de debate a proliferação das armas de destruição maciça e o terrorismo, tendo como objectivo reforçar a aliança transatlântica.

A par da Cimeira da Nato decorre também a Cimeira EUA-UE, um encontro que se realiza anualmente e que conta com a presença dos líderes da UE e dos EUA.

Barack Obama, presidente dos Estados Unidos da América vai estar presente na Cimeira da NATO e na Cimeira EUA-UE, em Lisboa.

Esta é a primeira Cimeira organizada por Portugal desde a entrada em vigor do Tratado de Lisboa. São esperadas mais de 5000 pessoas, entre delegações oficiais e jornalistas.

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Beleza...

Certos olhares valem mil palavras..
A beleza apenas vê-se nos olhos... seja ela interior ou exterior.
Através de um olhar, podemos revelar muitas coisas...
O olhar revela-nos sentimentos, dores, sofrimentos, alegrias, tristezas...
Também a timidez, a sedução e a maldade...
Muitos dizem, que se pode ver... o amor.
Através do olhar...O verdadeiro amor.

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Dia Internacional da Tolerância


O Dia Internacional para a Tolerância foi instituído pela ONU como sendo o dia 16 de Novembro de cada ano, em reconhecimento à Declaração de Paris, assinada no dia 12 deste mês, em 1995, tendo 185 Estados como signatários. Foi instituído pela Resolução 51/95 da UNESCO.

A Declaração da ONU fez parte do evento sobre o esforço internacional do Ano das Nações Unidas para a Tolerância. Nela os estados participantes reafirmaram a "fé nos Direitos Humanos fundamentais" e ainda na dignidade e valor da pessoa humana, além de poupar sucessivas gerações das guerras por questões culturais, para tanto devendo ser incentivada a prática da tolerância, a convivência pacífica entre os povos vizinhos.

Foi então evocado o dia 16 de Novembro, quando da assinatura da constituição da UNESCO em 1945. Remetia, ainda, à Declaração Universal dos Direitos Humanos que afirma:
Todas as pessoas têm direito à liberdade de pensamento, consciência e religião (Artigo 18);
Todos têm direito à liberdade de opinião e expressão (Artigo 19)
A educação deve promover a compreensão, a tolerância e a amizade entre todas as nações, grupos raciais e religiosos (Artigo 26).


Aproveitemos o dia de hoje, e sejamos mais tolerantes perante a sociedade, praticando o bem, e ajudando todos aqueles que precisam de uma palavra amiga, independentemente da sua cor, religião ou aspecto fisico.
Todos diferentes, todos iguais. Faz o bem sem olhar a quem.

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Controversias

As palavras duras, que por vezes fazem pensar duas vezes…
Olho para mim, e me vejo no limiar do horizonte…
No ser ou não ser, no querer ou não querer…
No gosto ou não gosto, no que sinto ou não sinto.

Por vezes é preciso definir primeiro dentro de nós.
E saber que a vida pode proporcionar coisas lindas
Como coisas menos lindas e dolorosas…
Mas o tempo e o amor podem curar tudo.

Por vezes, olho para o meu interior
Para o meu livro do passado e vejo-me no presente
E recordo que muitas coisas que mudaram
E que o futuro continua a ser uma incógnita

A força de expressão, a liberdade de pensar
O decifrar dos olhares e actos sobre os factos
Nos podem fazer tomar decisões da vida
E que nos podem deixar fortes marcas dentro de nós.

A vida é viver passo a passo
Aproveitar momentos conscientemente
Tomar decisões com convicção
E ser feliz da melhor maneira possível.

Amar a vida é um passo gigante
Amar o próximo é a realidade
Amar tudo o que rodeia é puro
Amar a si mesmo é simplesmente uma bênção.

domingo, 14 de novembro de 2010

Sementes de Linhaça

A linhaça é a semente do linho, uma planta pertencente ao gênero Linum na família Linaceae. Ela é nativa da região que se estende do leste do Mediterrâneo até a Índia e foi provavelmente domesticada primeiro no Oriente Médio. A linhaça foi muito cultivada no Egito Antigo, tanto por causa da suas sementes quanto por suas fibras.

Sementes de linhaça
As sementes de linhaça são de duas variedades básicas, marrom ou amarela, com a maioria dos tipos tendo valores nutricionais similares e mesmas quantidades de ômega-3, que é considerado um tipo de gordura saudável. Das sementes de linhaça é produzido o óleo de linhaça, um dos óleos comerciais mais antigos. Cem gramas de semente de linhaça fornecem em torno de 450 kcal, 41 gramas de gordura, 28 gramas de fibras e 20 gramas de proteínas.

As sementes de linhaça integrais são quimicamente estáveis, de modo que podem ser armazenadas por pelo menos 4 meses em temperatura ambiente com poucas alterações no odor e sabor. Já as sementes de linhaça processadas podem ficar rançosas è temperatura ambiente em até uma semana. Consumo excessivo de sementes de linhaça pode provocar diarréia.

Possíveis benefícios médicos da semente de linhaça
As sementes de linhaça contêm altos níveis de lignanas e ômega-3. As lignanas podem beneficiar o coração, têm propriedades anti-câncer e estudos em camundongos descobriram redução no crescimento de certos tipos de tumores. Estudos iniciais sugerem que sementes de linhaça na dieta poderiam beneficiar pessoas com alguns tipos de câncer de mama e de próstata. A semente de linhaça pode também diminuir a gravidade da diabetes ao estabilizar os níveis de açúcar no sangue.

Há algum apoio para o uso de sementes de linhaça como laxante devido à sua grandes quantidade de fibras, porém seu consumo excessivo sem líquidos pode resultar em bloqueio intestinal. O consumo de grandes quantidades de sementes de linhaça podem prejudicar a eficiência de alguns medicamentos por causa da sua grande quantidade de fibras.

sábado, 13 de novembro de 2010

Golegã

A história do concelho da Golegã está profundamente ligada aos dois rios que o percorrem -o Almonda e o Tejo -, à fertilidade célebre dos seus solos, às grandes quintas agrícolas, às cheias, às touradas, aos lazeres reais.

Segundo reza a história, a Golegã, enquanto povoado, teve origem numa estalagem estabelecida no tempo de um dos primeiros reis de Portugal -talvez D. Sancho para acolher gente de passagem de Lisboa para o norte e para se proceder à muda de "cavalgadura", em tão longa jornada. Esta estalagem tudo leva a crer ter sido pertença de uma mulher da Galiza, residente em Santarém. Daí o povoado então nascente se ter chamado de "Venda da Galega", mais tarde Golegã. Esta estalagem estava situada num ponto estratégico e importante, junto à principal estrada real.
No reinado de D. João I já a Golegã tinha grande importância, assim como, mais tarde, no de D. Afonso V, tendo atingido o auge no reinado de D. Manuel. O Lugar de Golegã foi elevado à categoria de vila por carta de D. João III, em 1534.

A par da importância do lugar em que se situava, a região da Golegã detinha uma das maiores riquezas da altura: um solo fértil. A fama das suas terras chamou muito povo a si, assim como grandes agricultores e criadores de cavalos. Desde os tempos mais remotos vêm alusões à região, de que é exemplo a importantíssima Quinta da Cardiga que, em 1169, fora doada por D. Afonso I à ordem do Templo para arroteamento e cultivo. De século para século foi a mesma sendo doada a outras ordens e, a partir do séc. XIX, comprada por diversos grandes agricultores.

Em meados do séc. XVIII surge, essencialmente ligada à criação de cavalos e à necessidade de venda de produtos agrícolas da região, a Feira de S. Martinho. A partir de 1833, e com o apoio dado pelo Marquês de Pombal, a feira começou a tomar um importante cariz competitivo. Começaram a realizar-se concursos hípicos e diversas competições de raças. Os melhores criadores de cavalos concentravam-se então na Golegã.

Quando no reinado de D. Maria I se construiu a estrada ligando Lisboa ao norte por Leiria e Pombal, a Golegã decaiu bastante, tendo-se recomposto somente mais tarde, no séc. XIX, com base na valorização agrária da região. Para esta "reconstituição" da importância da Golegã muito contribuíram as figuras de dois grandes agricultores e estadistas: Carlos Relvas, fidalgo da Casa Real, grande amigo do Rei, comendador, lavrador, artista, proprietário de diversos estabelecimentos agrícolas e de dois palácios (onde por várias vezes hospedou a família real), e José Relvas, seu filho, democrata imensamente ligado à causa republicana, ministro das finanças e também um grande artista.

Amigos do sono

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Musica clássica da Gulbenkian

Musica clássica da Gulbenkian
Ouvir as cordas, sopro e percussão
Sons tão sublimes, melódicos e suaves
Como sons tão pesados e agudos

Deixa-me num estado de serenidade
Fecho os olhos e aguço os ouvidos
E sinto os sons nas veias do meu corpo
Minha mente voa, sonha, dança

Leva-me para longe, meu corpo eleva
E imagino-me em dois sítios possíveis
Conforme as vibrações da música
Ou a dançar ou a tocar.

Por vezes, vejo-me a pairar
Numa orquestra familiar
Ou a dançar a par
Rodopiando sem parar.

O calor das minhas mãos
O dedilhar na minha perna
O sentir das vibrações fortes
De uma mistura de sons…

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Beijo...



Vai um beijo a voar...
Passa por algodão e fica fofinho...
passa por água e fica húmido...
passa na vida e fica eterno...
passa por uma flor e fica cheirosa...
passa por acuçar e fica doce...
Passa por ti e fica especial...
fica com ele, guarda-o,
porque mandei-o só para ti...
que estás no meu jardim...

terça-feira, 9 de novembro de 2010

PDI

Uma manhã um homem parou nu em frente ao espelho para admirar seu corpo, e notou que estava todo bronzeado, à excepção de seu pénis.
Então decidiu fazer algo a respeito.
Foi à Praia, despiu-se completamente e cobriu-se todo de areia, deixando de fora o pénis.
Duas velhinhas vinham caminhando pela Praia.
Uma delas usava uma bengala para ajudar a caminhar.
Ao ver aquela "coisa" saindo da areia, a que tinha o bastão começou a dar voltas ao redor, observando.
Quando se deu conta do que era, disse:
"Não há justiça no mundo".
A outra velhota, que também observava com curiosidade, perguntou -lhe a que se refería.
A da bengala respondeu:
- "Olha isso!!! Isso..., aos 20 anos, dava-me curiosidade;
Aos 30 dava-me prazer;
Aos 40, tinha que pedir;
Aos 50, tinha que pagar;
Aos 60, rezava por ele;
Aos 70 esqueci -me que existia.
Agora que tenho 80, crescem no solo, e já estou muito velha para me agachar..."


SABEM O SIGNIFICADO DE PDI?????

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Fantasia

Um Sucesso!!!

domingo, 7 de novembro de 2010

HOMENAGEM A CHOPIN

NOVO "CONCERTO BOA NOVA" - IMPERDÍVEL!!
É já no próximo Domingo, dia 7 de Novembro às 18.30 horas com Entrada Livre no Grande Auditório Sra da Boa Nova, no Complexo Sra da Boa Nova! (Rua Campo Santo, Estoril) e imaginem que será em «Homenagem a Frédéric Chopin» um dos pianistas e compositores mais virtuosos da História da Música de todos os tempos. (podem conhecer a imagem do músico homenageado ao lado)
O Concerto será tocado pelo Pianista Sequeira Costa, acompanhado pela Orquestra da Câmara de Cascais e Oeiras e Maestrado/Dirigido por Alexander Frey.
O Programa é o seguinte:
* Abertura da Ópera de «D. Giovanni», (de) Mozart ;
* Concerto para piano n.º 1 em Mi menor, (de) Chopin;
* Sinfonia 38 em Ré maior, (de) Chopin.
Saudações "Musicais e Armoniosas"

sábado, 6 de novembro de 2010

Kantar Goa - Espectáculo Ekvat


"EKVAT percorrendo o s sons e as danças de Goa das origens ao imaginário."
Para as comemorações dos 20 anos do Grupo.
Espectáculo Ekvat no Teatro Camões, no dia 6 de Novembro,
com participação da Tarikavalli na dança indiana
e Paula Pinto na dança contemporânea.

Eu vou dançar, participar, encantar
com as outras dançarinas nas novas danças,
com os novos trajes, nas novas canções..
Lembrar as origens e as tradições
das nossas familias e antepassados.
Divulgue aos vossos amigos e familiares.

Venham ver-nos.

Obrigada!
www.ekvat.org

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Taizé 2010- Encontro em Roterdão

O 33° Encontro Europeu terá lugar pela primeira vez na Holanda. De 28 de Dezembro de 2010 a 1 de Janeiro de 2011, este Encontro vai reunir dezenas de milhares de jovens em Roterdão. Terra natal de Erasmus, no século XV, esta cidade (que em 2009 foi designada capital europeia da juventude) manifestou uma vontade muito grande de acolher uma etapa da Peregrinação de Confiança através da Terra. As paróquias católicas e protestantes de várias localidades à volta de Roterdão (como a Haia ou Delft) também estarão implicadas no acolhimento dos jovens peregrinos.
Mais informações

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

A profissão do pai

Uma professora pergunta no 1º dia de aulas dum colégio privado:
- Pedro qual a profissão do teu pai?
- Advogado, senhora professora.
- E a do teu pai, Maria?
- Engenheiro.
- E a do teu, Matilde?
- Ele é médico.
- E o teu pai, Manel, o que faz?
- Ele... Ele... Ele é dançarino numa boite gay!
- Como assim? Perguntou a professora, surpreendida.
- Senhora professora, ele dança numa boite vestido de mulher, com uma tanguinha minúscula de lantejoulas, os homens passam-lhe a mão e põem notas no elástico da tanguinha. É assim que ele ganha muito dinheiro.
A professora rapidamente dispensou toda a classe, menos o Manuel.
Dirigiu-se ao garoto e perguntou novamente:
- Menino, o teu pai faz isto realmente?
- Não, senhora professora. Agora que a sala está vazia, já posso
falar! Ele é assessor do Sócrates, mas eu tenho uma vergonha enorme em falar nisso à frente das pessoas!!!!!

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Alecrim

Originário do Mediterrâneo, o alecrim sempre foi muito apreciado por suas virtudes aromáticas e medicinais. Emblema do amor e símbolo da saudade, o alecrim é considerado uma planta mágica contra mau-olhado. Na Igreja Ortodoxa, até hoje se utiliza seu óleo para unção.

Erva de sabor acentuado, a ser usada com discrição em assados, aves, caça, Originário da Europa Central. Aroma fresco, lembra o pinho, dá sabor a aves, a molhos e sopas de tomate, frutos do mar, carnes, patês, beringela, batatas, couve-flor, pães, sumos e saladas de frutas.

O alecrim é um excelente aromatizante de carnes assadas ou espetinhos. Esta planta de folhas carregadas de um forte aroma ligeiramente canforado, foi constantemente apreciado: na Antiguidade, entre os gregos e romanos, era considerado a erva do amor, da fidelidade e da amizade. Era utilizada trançada em coroas nos dias de casamento e de luto.

Para os egípcios o alecrim foi a erva da recordação: encontramos seus ramos nas tumbas das primeiras dinastias. Na Idade Média, era utilizado na cozinha para perfumar as saladas e molhos, para afastar os insetos dos armários e das bibliotecas.

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Tão longe e tão perto...

Os longos dias passam a correr
E cada dia que passa
Mais ansiosa fico por não te ver
Por não olhar esses teus lindos olhos cor de avelã.
Quando não te vejo por muito tempo
Sinto-me confusa, sufocada
Estrangulada por sentimentos estranhos
Que não sei explicar, que não sei decifrar
Que me deixam pensativa
Que me deixam de coração apertada
Que me dá vontade enorme de chorar.
Não tenho lágrimas para isso
Mas sinto uma dor profunda
De um sentimento que arde sem se ver.

Quando te vejo
Fico eufórica, fico fora de mim.
Apetece-me falar-te de tudo
Mas as palavras não saem.
Quero tocar-te sem receios
Suavemente ao de leve
Sentir a tua pele na minha mão
Mas tenho medo de te perder
Na penumbra da noite,
Num sonho sem fim
Numa paixão sem futuro.
Quero amar-te como mereço
Ou será que não te mereço?
Minha alma gémea, minha cara-metade.