Meus outros blogs:

domingo, 31 de janeiro de 2016

Hino Nacional

Letra de “A Portuguesa”

Heróis do mar, nobre povo,
Nação valente, imortal,
Levantai hoje de novo
O esplendor de Portugal!


Entre as brumas da memória,
Ó Pátria, sente-se a voz
Dos teus egrégios avós,
Que há-de guiar-te à vitória!
Às armas, às armas!


Sobre a terra, sobre o mar,
Às armas, às armas!
Pela Pátria lutar
Contra os canhões marchar, marchar!


O Hino Nacional, também conhecido pela “Portuguesa”, foi composto em 1890 como uma canção de protesto na sequência do ultimato inglês. Adotada pelos republicanos, veio a transformar-se no hino em 1911.
A letra de ‘”A Portuguesa” foi escrita por Henrique Lopes de Mendonça e a música composta por Alfredo Keil.
O tema surge em 1890 na sequência do ultimato inglês que exigia a retirada dos portugueses dos territórios entre Angola e Moçambique. A imposição foi considerada uma afronta ao país, mas a coroa, apesar dos protestos, pouco pôde fazer para reverter a situação.
A versão completa d’”A Portuguesa” afirmava a independência e apelava ao patriotismo contra os “Bretões” (britânicos), palavra que foi substituída na versão atual pela palavra “Canhões”. Foi rapidamente adotada pelos revolucionários republicanos que a cantaram quando em 31 de Janeiro de 1891 tentaram, no Porto, um primeiro golpe de estado para derrubar a coroa. A monarquia proibiu-a.
Com a implantação da República em 1910 a canção voltou a ouvir-se nas ruas e foi consagrada como Hino Nacional em 19 de junho de 1911 pela Assembleia Constitutiva.


Versão completa:
I
Heróis do mar, nobre povo,
Nação valente, imortal
Levantai hoje de novo
O esplendor de Portugal!
Entre as brumas da memória,
Ó Pátria, sente-se a voz
Dos teus egrégios avós
Que há-de guiar-te à vitória!
Às armas, às armas!
Sobre a terra sobre o mar,
Às armas, às armas!
Pela Pátria lutar Contra os canhões marchar, marchar!

II
Desfralda a invicta Bandeira,
À luz viva do teu céu!
Brade a Europa à terra inteira:
Portugal não pereceu
Beija o solo teu jucundo
O oceano, a rugir d`amor,
E o teu Braço vencedor
Deu mundos novos ao mundo!
Às armas, às armas!
Sobre a terra sobre o mar,
Às armas, às armas!
Pela Pátria lutar
Contra os canhões marchar, marchar!

III
Saudai o Sol que desponta
Sobre um ridente porvir;
Seja o eco de uma afronta
O sinal de ressurgir.
Raios dessa aurora forte
São como beijos de mãe,
Que nos guardam, nos sustêm,
Contra as injúrias da sorte.
Às armas, às armas!
Sobre aterra, sobre o mar,
Às armas, às armas!
Pela Pátria lutar
Contra os canhões marchar, marchar!


Bandeira Nacional
Autores da Bandeira:
Columbano, João Chagas, Abel Botelho
Significado dos símbolos e cores:

As 5 quinas simbolizam os 5 reis mouros que D. Afonso Henriques venceu na batalha de Ourique. Os pontos dentro das quinas representam as 5 chagas de Cristo.
Diz-se que na batalha de Ourique, Jesus Cristo crucificado apareceu a D. Afonso Henriques, e disse: ``Com este sinal, vencerás!''.
Contando as chagas e duplicando por dois as chagas da quina do meio, perfaz-se a soma de 30, representando os 30 dinheiros que Judas recebeu por ter traído Cristo.
Os 7 castelos simbolizam as localidades fortificadas que D. Afonso Henriques conquistou aos Mouros.
esfera armilar simboliza o mundo que os navegadores portugueses descobriram nos séculos XV e XVI e os povos com quem trocaram ideias e comércio.
verde simboliza a esperança. O vermelho simboliza a coragem e o sangue dos Portugueses mortos em combate.

sábado, 30 de janeiro de 2016

Dia da Saudade


sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Fases

Fases...
Fases que vem, Fases passageiras, Fases atraentes
, Fases persistentes, Fases inconscientes, 
Fases inesperadas,Fases desejadas, Fases aventureiras, Fases indevidas, Fases adiadas, Fases iludidas, 
Fases inconfundíveis,Fases admiráveis, Fases da positividade, Fases do declínio, Fases de motivação e da fé, 
Fases das mudanças, Fases de esperança, Fases ilustres, Fases da atitude, Fases de destruição, 
Fases da emoção, Fases do contentamento, Fases da consciente, Fases da insistência, 
Fases da recompensa, Fases da escolha, Fases da sabedoriaFases do conhecimento, Fases da resiliência
Fases do amor. São todas fases da vida.

Existem muitas fases na nossa vida
A fase do crescimento em que tudo é novidade
Em que tudo é tudo ou nada
Em que se aprende com as experiências
Boas e más no decorrer do caminho

A fase da estagnação em que tudo é real
As viagens, os trabalhos, os projectos, os filhos,
As alegrias das coisas bonitas e únicas,
As oportunidades que aparecem pela frente
Em que decidimos o que fazer na vida

Mas chegamos a fase da estagnação irreal
Em que o que tínhamos decidido fazer na vida não dura
Não nos satisfaz, não nos faz feliz
Em que passamos por situações difíceis
E no entanto temos de levantar a cabeça

A vida é curta e estamos de passagem, 
Seja ela qual for o nosso destino ou missão
Viemos tantas vezes e de tantas maneiras
Para aprendermos a ser como somos
Para aprender a viver e conviver

Para perceber e compreender a vida
As virtudes, as necessidades, as experiências
Ter paciência para saber o que queremos
Dar tempo para saber esperar e agir no momento certo
Saber dar, oferecer para poder receber

E como sempre,
Aproveitar todos os momentos,
Viver com os pés assentes na terra,
Como se não houve amanhã.

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Sitio do Picapau Amarelo


Sítio do Picapau Amarelo é uma série de 23 volumes de fantasia, escrita pelo autor brasileiro Monteiro Lobatoentre 1920 e 1947. A obra tem atravessado gerações e geralmente representa a literatura infantil do Brasil. O conceito foi introduzido de um livro anterior de Lobato, A Menina do Narizinho Arrebitado (1920), a história sendo mais tarde republicada como o primeiro capítulo de Reinações de Narizinho (1931), que é o livro que serve de propulsor à série de Sítio do Picapau Amarelo. Precedentemente, Lobato já havia publicado os volumes O Saci(Paulista1921), Fábulas (1922), As aventuras de Hans Staden (1927) e Peter Pan (1930).
O cenário principal é um sítio, batizado com o nome de Picapau Amarelo, de onde vem o título da série, onde mora Dona Benta, uma velha de mais de sessenta anos que vive em companhia de sua neta Lúcia, ou Narizinhocomo todos dizem e a empregada Tia Nastácia. Narizinho tem como amiga inseparável uma boneca de pano velho chamada Emília, feita por Tia Nastácia. Em um dos capítulos de Reinações de Narizinho, Emília começa a falar graças á pílula falante do Doutor Caramujo, um médico afamado do Reino das águas claras, um palácio que fica no fundo do ribeirão do sítio. Durante as férias escolares, Pedrinho, primo de Narizinho, passa uma temporada de aventuras no Sítio. Juntos, eles desfrutam de aventuras explorando fantasia, descoberta e aprendizagem. Em várias ocasiões, eles deixam o sítio para explorar outros mundos, como a Terra do Nunca, a mitológica da Grécia Antiga, um mundo subaquático conhecido como Reino das Águas Claras, e o espaço exterior.
Sítio também tem sido adaptado diversas vezes desde os anos 50, para filmes em live-action e séries de televisão, sendo as produções da Rede Globo de 1977-1986 e 2001-2007 as mais populares. Globo detém os direitos deSítio do Picapau Amarelo e é a última editora dos livros, por meio de sua divisão editorial da Editora Globo.

Origem

Em 1920, durante uma partida de xadrez com Toledo Malta, este contou a Monteiro Lobato a história de um peixe que, saído do mar, desaprendeu a nadar e faleceu afogado. [1] Lobato diz que perdeu a partida porque o peixinho não parava de nadar em suas ideias, tanto que logo sentou-se à maquina e escreveu A História do Peixinho Que Morreu Afogado, atualmente relatado como perdido já que Lobato nunca se lembrou de onde o havia publicado.[1] Este conto, deu origem ao livro A Menina do Narizinho Arrebitado, publicado noNatal de 1920. A Menina do Narizinho Arrebitado introduziu a personagem-título Lúcia "Narizinho" e sua boneca de pano Emília. O livro foi posteriormente reeditado, no ano de 1931, como o primeiro capítulo de Reinações de Narizinho, livro que serve de propulsor a Sítio do Picapau Amarelo. Para o cenário da fazenda do Sítio, Lobato foi inspirado em memórias de sua própria infância, já que ele mesmo viveu com sua família em uma fazenda no interior de São Paulo[2]

Personagens

Ver também: 
Principais
  • Dona Benta - Avó de Pedrinho e Narizinho, dona do Sítio do Picapau Amarelo e entusiasmada divulgadora de cultura e contadora de histórias.
  • Tia Nastácia - Cozinheira do Sítio, medrosa mas de bom coração, a "segunda avó" das crianças do Sítio.
  • Narizinho e Pedrinho - As crianças que protagonizam as histórias. Narizinho chama-se Lúcia e mora com a avó no sítio. Pedrinho é filho de Antonica, filha de Dona Benta, e mora a maior parte do ano na cidade.
  • Emília - Boneca de pano falante, irreverente e divertida. Após uma "evolução gental" (como ela mesma explica em A chave do tamanho), vira uma menina de verdade.
  • Visconde de Sabugosa - Sábio boneco de sabugo de milho, gramático e filósofo.
  • Marquês de Rabicó - O porquinho guloso que só pensa em comida. Casa-se com Emília, interessada em seu título nobiliárquico.
  • Conselheiro - O sábio burro falante que, como o próprio nome já diz, dá sempre bons conselhos. Foi resgatado pelas crianças no País das Fábulas.
  • Quindim - Um doce rinoceronte, que sabe inglês e acompanha a turma em diversas aventuras.
Personagens que só aparecem ou são citados em um ou mais livros

sábado, 23 de janeiro de 2016

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

O Romance começa por Sea!

Cada casal tem a sua dinâmica e, em princípio, é composto por duas pessoas muito diferentes.
E agora que se aproxima o mês de Fevereiro essas diferenças costumam revelar-se, pela simples razão que se espera que o lado mais romântico de cada um venha ao de cima. E sabemos que há pessoas muito românticas, e outras que não são tão conhecidas por esse atributo (como é o meu caso, e provavelmente, também o seu).
É em Fevereiro que mais casais ficam noivos e que mais rosas e alianças se vendem! E é em Fevereiro que mais homens e mulheres ficam sem ideias, quando mais precisam.
Cá para nós, o problema não é nosso mas do mês de Fevereiro. Ele bloqueia a veia romântica, e portanto nada melhor que ir pensando em ideias românticas já em Janeiro!
Será que a sua cara-metade já tem uma surpresa planeada para si (e está à espera que você também tenha)?

Saudações náuticas,
Bernardo Ribeiro e Castro 
SEO (Smile Executive Officer)

PS - Se não tem a quem surpreender e gosta do Mar, não deixe de contactar:jorge.rosa@seaventy.pt ou paula.vilhena@seaventy.pt.

http://www.seaventy.pt/#!romantico-lisboa/cmgq

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

A Mala

Foto de Essência e Luz.
Um homem morreu e ao se dar conta, viu que Deus se aproximava e tinha uma mala com Ele.
E Deus disse:
- Bem, filho, hora de irmos.
O homem assombrado perguntou:
- Já? Tão rápido? Eu tinha muitos planos..
- Sinto muito, mas é o momento de sua partida.
- O que tem na mala? Perguntou o homem.
E Deus respondeu:
- Os seus pertences!!!
- Meus pertences? Minhas coisas, minha roupa, meu dinheiro?
Deus respondeu:
- Esses nunca foram seus, eram da terra.
- Então são as minhas recordações?
- Elas nunca foram suas, elas eram do tempo.
- Meus talentos?
- Esses não te pertenciam, eram das circunstâncias.
- Então são meus amigos, meus familiares?
- Sinto muito, eles nunca te pertenceram, eles eram do caminho.
- Minha mulher e meus filhos?
- Eles nunca lhe pertenceram, eram de seu coração.
- É o meu corpo.
- Nunca foi seu, ele era do pó.
- Então é a minha alma.
- Não! Essa é minha.
Então, o homem cheio de medo, tomou a mala de Deus e ao abri-la se deu conta de que estava vazia... Com uma lágrima de desamparo, caindo em seus olhos, o homem disse:
- Nunca tive nada?
- É assim, cada um dos momentos que viveste foram teus. A vida é só um momento... Um momento só teu!
Por isso, enquanto estiver no tempo, desfrute-o em sua totalidade. Que nada do que acreditas que lhe pertence
o detenha...
 Viva o agora!
 Viva sua vida!
E não se esqueça de SER FELIZ, é o único que realmente vale a pena!
As coisas materiais e todo o resto pelo que você luta fica aqui.
VOCÊ NÃO LEVA NADA!
Valorize àqueles que te valorizam, não percas tempo com alguém que não tem tempo para ti.

terça-feira, 19 de janeiro de 2016

Atenção à "Canção do Bandido"!!


Atenção a todos os que usufruem do serviço de Via Verde.

A Via Verde acaba de adoptar uma técnica para aquisição de novos contratos. Tendo em conta a relativa diminuição de celebração de novos contratos, a Via Verde optou por adoptar uma manobra fraudulenta; assim, os identificadores com mais de 3 anos (garantia dos mesmos) automaticamente começam a dar sinal amarelo.

O seu proprietário, ingenuamente, desloca-se às Instalações da BRISA, no sentido de substituir a pilha, quando, 3 dias depois, é surpreendido com a informação de que o seu contrato cessou devido a uma avaria no identificador (?). Perante esta realidade, a situação mais lógica seria mesmo a substituição do identificador; no entanto, a Via Verde obriga à celebração dHá presenças na nossa vida que nos dão sentido e alegria de viver. Por vezes, nem somos conscientes delas, mas elas lá estão. São como o sol, que todos os dias se levanta no horizonte e mesmo que as nuvens não no-lo deixem vêr, ele lá está… um novo contrato, obrigando assim todos os clientes a aderirem a novas taxas de aluguer de identificadores. (10 € anuais ou o pagamento de 30 € para aquisição do identificador).

Com esta manobra fraudulenta, a Via Verde consegue 3 coisas:
• Renovação de Contratos
• Encaixe financeiro (ex.: na passada 5ª Feira mais de 100 pessoas foram obrigadas a celebrar novos contratos, isto só na estação de Carcavelos, entre as 17:00 e as 19:00);
• Encerrar contratos antigos, que eram justos para os clientes, mas menos rentáveis para a Via Verde.

Esteja alerta e divulguem o mais possível para parar esta fraude.

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

Dia Internacional do Riso

Este dia chama a atenção para a importância de rir. O riso é um comportamento humano que traz bem-estar às pessoas. Neste dia deve rir o mais que puder, quer na companhia dos amigos, trocando-se anedotas, quer sozinho em casa, a ver as suas comédias preferidas ou a ler um livro engraçado.

Vantagens de rir

Entre os benefícios de rir encontramos:
  • Redução do stress
  • Queima de calorias
  • Melhoria da qualidade de sono
  • Fortalecimento abdominal
  • Combate ao surgimento de rugas
  • Melhor circulação sanguínea
  • Melhor respiração
  • Melhoria da digestão
  • Fortalecimento do sistema imunológico
  • Estímulo da criatividade
  • Criação de laços com outras pessoas

Mensagens para o Dia Internacional do Riso

  • Rir mais é viver mais e melhor.
  • Rir é o melhor remédio (e é de graça).
  • Uma risada por dia não sabe o bem que lhe fazia.
  • Ria como se não houvesse amanhã.
  • Rir é dos melhores prazeres da vida.
  • Rir aumenta a qualidade de vida.
  • Ria. Por si e pelos outros.

quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

O marido e esposa

Foto de Gentil Hf.
O marido chegou para o pai e disse: Pai, não aguento mais a minha esposa
Quero matá-la, mas tenho medo que descubram.
O senhor pode me ajudar?
O pai respondeu: Posso sim, mas tem um porém...Você vai ter que fazer as pazes com ela para que ninguém desconfie que foi você, quando ela morrer.
Vai ter que cuidar muito bem dela, ser gentil, agradecido, paciente, carinhoso, menos egoísta, retribuir sempre, escutar mais...Tá vendo este pozinho aqui?
Todos os dias você vai colocar um pouco na comida dela. Assim, ela vai morrer aos poucos.
Passado os 30 dias, o filho voltou e disse ao pai: Eu não quero mais que ela morra!
Eu passei a amá-la. E agora? Como eu faço para cortar o efeito do veneno?
O pai, então, respondeu: Não se preocupe! O que eu te dei foi pó de arroz.
Ela não vai morrer, pois o veneno estava em você!
Quando alimentamos rancores, morremos aos poucos. Que possamos fazer as pazes conosco e com quem nos ofendeu.
Que possamos tratar aos outros, como gostaríamos de ser tratados.
Que possamos ter a iniciativa de amar, de dar, de doar, de servir, de presentear...e não só a de querer ganhar, ser servido, tirar vantagem e explorar o outro.
Que o amor de Deus nos alcance todos os dias, pois não sabemos se teremos tempo de nos purificarmos com este antídoto chamado perdão.
heart emoticon

segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

David Bowie

Ousadia, hedonismo e rock'n'roll: as muitas faces do 'camaleão' Bowie


Um dos maiores ícones da cultura popular

David Bowie morreu devido a um cancro no fígado, revelou o encenador belga Ivo van Hove, que tem em mãos a direção de "Lazarus", o musical em que o compositor e cantor britânico esteve a trabalhar durante os últimos meses e que está em cena em Nova Iorque.

 
REUTERS

"Começámos a trabalhar no espetáculo "Lazarus" e a dada altura ele chamou-me à parte e disse-me que nem sempre estaria disponível para estar aqui, devido à sua doença. Disse-me que tinha cancro, cancro no fígado", afirmou van Hove a uma rádio holandesa.
O encenador acrescentou que esta conversa com Bowie aconteceu há cerca de um ano e que os atores nunca se aperceberam de nada. "Suspeito que os músicos com quem gravou "Blackstar" também não sabiam. Ele fez tudo o que pôde para completar estes dois projetos a tempo, não se deixando vencer pela doença", disse ainda van Hove.
Por seu lado, a escritora Wendy Leigh, que há dois anos publicou uma biografia de Bowie, revelou à BBC News que o músico sofreu "seis ataques cardíacos" nos últimos anos.
David Bowie lutou contra a doença durante 18 meses e morreu na segunda-feira, três dias depois de completar 69 anos e de lançar o álbum "Blackstar". 

David Bowie (AFI[ˈboʊ.iː]nome artístico de David Robert JonesBrixtonLondres8 de janeiro de 1947 — Manhattan10 de janeiro de2016) foi um cantorcompositorator e produtor musical inglês. Por vezes referido como "Camaleão do Rock" pela capacidade de sempre renovar sua imagem, tem sido uma importante figura na música popular há cinco décadas e é considerado um dos músicos populares mais inovadores e ainda influentes de todos os tempos, sobretudo por seu trabalho nas décadas de 1970 e 1980, além de ser distinguido por um vocal característico e pela profundidade intelectual de sua obra.
Embora desde cedo tenha realizado o álbum David Bowie e diversas canções, Bowie só chamou a atenção do público em 1969, quando a canção "Space Oddity" alcançou o quinto lugar no UK Singles Chart. Após um período de três anos de experimentação, que incluem a realização de dois significativos e influentes álbuns, The Man Who Sold the World (1970) e Hunky Dory (1971), ele retorna em 1972 durante a era glam rock com um alter ego extravagante e andrógino chamado Ziggy Stardust, sustentado pelo sucesso de "Starman" e do aclamado álbum The Rise and Fall of Ziggy Stardust and the Spiders from Mars. Seu impacto na época foi um dos maiores cultos já criados na cultura popular.[1] Em 1973, o disco Aladdin Sane levou Ziggy aos EUA. A vida curta da persona revelaria apenas uma das muitas facetas de uma carreira marcada pela reinvenção contínua, pela inovação musical e pela apresentação visual.
Em 1974, o álbum Diamond Dogs previa, com seu som e sua temática caótica, a revolução punk que surgiria anos depois. Em 1975, Bowie finalmente conseguiu seu primeiro grande sucesso em território americano com a canção "Fame", em co-autoria com John Lennon, do álbumYoung Americans. O som constitui uma mudança radical no estilo que, inicialmente, alienou muitos de seus devotos no Reino Unido. Nessa etapa, a carreira musical de Bowie se renovou e seguiu novos rumos. Após a criação de uma nova persona, Thin White Duke, apresentada no aclamado Station to Station (1976), que traz um Bowie interessado em misticismoCabala e Nazismo, ele confundiu as expectativas de seu público americano e de sua gravadora com a produção do minimalista Low (1977) — a primeira das três colaborações com Brian Eno durante os próximos dois anos. A chamada "Trilogia de Berlim" (com "Heroes" e Lodger) trouxe álbuns introspectivos que lograram o topo nas paradas britânicas e que ganharam admiração crítica duradoura.
Seguindo o sucesso comercial irregular no final dos anos 70, a canção "Ashes to Ashes" do álbum de 1980 Scary Monsters (and Super Creeps) alcançou o primeiro lugar no Reino Unido e lançou bases para um novo movimento chamado New Romanticism. No ano seguinte, junto à banda Queen, escreveu e cantou a canção "Under Pressure" e em seguida atingiu novo pico comercial com o álbum Let's Dance(1983), que rendeu sucessos com a canção homônima e o fez cativar nova audiência. Ao longo dos anos 1990 e 2000, Bowie continuou a experimentar novos estilos musicais, incluindo os gêneros industrialdrum and bass, e adult contemporary. Seu último álbum de inéditas foi por muito tempo Reality, uma mistura de melancolia e humor, suportado pela A Reality Tour de 2003–2004. Após um período de quase dez anos em hiato, anuncia The Next Day pelo Facebook e pelo seu novo website. Seu novo álbum (The Next Day), está com três indicações ao Grammy (Melhor performance de rock 'Stars Are Out Tonight), Melhor Conteúdo Extra (The Next Day Extra) e melhor álbum de rock.
A influência de David Bowie é única, musical e socialmente. Como escreveu o biógrafo David Buckley, "ele penetrou e modificou mais vidas do que qualquer outra figura comparável."[1] De fato, grande é sua influência no mundo da música entre artistas e bandas mais antigas e a nova geração (Ver Influência), e, além de ter auxiliado movimentos como a libertação gay e a recriação de uma nova juventude independente, introduziu novos modos de se vestir na cena musical e tem uma carreira prestigiada no cinema. Em 2002, ficou em 29º lugar na lista popular100 Greatest Britons e já vendeu mais de 136 milhões de álbuns ao longo de sua carreira. Foi premiado no Reino Unido com 9 certificações de álbum de platina, 11 de ouro e 8 de prata, e, nos Estados Unidos, 5 de platina e 7 de ouro. Em 2004, a Rolling Stone colocou-o na 39ª posição em sua lista dos "100 Maiores Artistas do Rock de Todos os Tempos" e em 23º lugar na lista dos "Melhores Cantores de Todos os Tempos".
.

domingo, 10 de janeiro de 2016

Feriados

01 – ter -Dia de Ano Novo
06-dom-Dia de Reis
11-seg-Dia Mundial do Doente
12-ter-Carnaval
21-qui-Dia Internacional da Língua Materna
14-qui-Dia do Pi
19-ter-Dia do Pai
20-qua-Primeiro Dia de Primavera
21-qui-Dia Internacional de Luta Contra a Discriminação Racial
31-dom-Páscoa
01-seg-Dia do Motociclista
18-qui-Dia Internacional dos Monumentos e Sítios
03-sex-Dia do Sol
03-sex-Dia Internacional da Liberdade de Imprensa
05-dom-Dia da Mãe
21-ter-Dia Mundial da Diversidade Cultural para o Diálogo e o Desenvolvimento
30-ter-Dia Internacional da Amizade
09-sex-Dia Internacional dos Povos Indígenas
23-sex-Dia Internacional de Lembrança do Tráfico de Escravos e sua Abolição
10-qui-Dia Mundial da Saúde Mental
17-qui-Dia Internacional para a Erradicação da Pobreza
20-dom-Dia Mundial da Estatística
27-dom-Dia Mundial da Herança Audiovisual
30-qua-Dia Nacional de Prevenção do Cancro da Mama
10-dom-Dia Mundial da Ciência ao Serviço da Paz e do Desenvolvimento
15-sex-Dia Nacional da Língua Gestual Portuguesa
16-sáb-Dia Nacional do Mar
25-seg-Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra as Mulheres
27-qua-Dia de Nossa Senhora das Graças
29-sex-Dia Internacional da Solidariedade com o Povo Palestino
25-qua-Natal