Meus outros blogs:

quinta-feira, 21 de dezembro de 2006

Natal em Lisboa

As origens de muitas das tradições que caracterizam as celebrações modernas do Natal perdem-se nos tempos. A festa que é das crianças, e encanta os adultos, é a época do ano mais esperada. Mas o importante é não nos esquecermos de oferecer algo aqueles de quem gostamos, não importa se é cara ou barata, importa é se é dada com amor.

O acto de trocar presentes entre aqueles que estão próximos uns dos outros é o mais antigo de todos os costumes do solstício do Inverno. As suas origens remotas podem ser seguidas até à Idade da Pedra Polida, há cerca de 10 mil anos, quando os seres humanos começaram a substituir a incerteza da vida caçadora, pelas garantias mais seguras da agricultura. O aparecimento da agricultura, traduziu-se pela primeira vez, num excedente de comida, o que tornou possível criar provisões de alimentos que ajudariam as pessoas durante os meses duros do Inverno..

Após terem passado os meses mais difíceis, a Primavera fazia os bons dias aparecerem e isso exigia uma grande celebração e uma maior descontracção em relação às provisões acumuladas. Organizava-se uma festa.

Cada agricultor tinha as suas especialidades alimentares e preparava-se uma troca de alimentos. Desta maneira todos podiam gozar de uma rica variedade de pratos.

Esta troca de comida foi o costume original da troca de presentes no solstício do Inverno e transformou-se no núcleo central das festividades. Tudo o resto que se se desenvolveu mais tarde se centralizava em volta dela.

Ao longo dos séculos, a gama de presentes aumentou, passando a incluir outras coisas além da comida. Na Roma antiga, a cerimónia da entrega de presentes tornou-se altamente elaborada e atraiu muitas superstições.

sexta-feira, 15 de dezembro de 2006

Côcos Gigantes


Depois do "Super Pacu", agora é a vez dos "Côcos Gigantes"
30-Mai-2006
Dez dias depois de revelar para o mundo, o caso do "super pacu" de 42 quilos, encontrado em um dos córregos poluídos que cortam a cidade de Campo Grande, MS, o programa O Povo na TV destacou nesta terça-feira outra descoberta curiosa de sua equipe de reportagem: "côcos gigantes", cujo diâmetro ultrapassa 80 cm e o peso é estimado entre 30 e 40 quilos.

domingo, 3 de dezembro de 2006

Bhopal... it was 22 years ago, did you know about that?

"We are not expendable. We are not flowers offered at the altar of profit and power. We are dancing flames committed to conquering darkness and to challenging those who threaten the planet and the magic and mystery of life."Rashida Bee, Bhopal gas leak survivor

sábado, 2 de dezembro de 2006

piadas do dia

Um certo advogado, especialista, não quis saber de outra função que não
fosse a sua especialidade.
Um dia em casa a asua esposa reclamou:
- Querido, o ferro não aquece dê uma olhada se faz favor...
- Querida acorda eu não sou electricista. - Respondeu o Advogado.
Na segunda feira seguinte:
- Querido a torradeira tá pegando fogo!
- Querida vê se acorda eu não sou bombeiro, sou advogado.
No fim de semana, descansando, o marido descobre que tudo o que a esposa
havia reclamado estava em perfeito estado e funcionamento. Ele perguntou:
- Querida, quem fez esses todos reparos?
- Querido você lembra daquele seu amigo engenheiro que você trouxe para
jantar aqui no sábado passado??
- Sim lembro.
- Então, ele prontificou-se a consertar tudo.
- Como assim??! Ele fez tudo de graça?!?!
- É claro que não!! Ele me disse que eu poderia pagar de duas formas: Eu
faria outro prato igual ao que ele jantou aqui ou iria com ele visitar um
motel...
- E o que você fez?????????
- Querido acorda eu não sou cozinheira!!!!
--------------------------------------------------------------------------
Um padre, um médico e um engenheiro vão jogar golfe mas têm de aguardar
vez, porque um grupo de 3 jogadores extremamente ruins está a sua frente.
 Não acertam nenhuma jogada.
O padre pergunta ao garoto que carrega os tacos:
- Quem são esses "toscos" ?
- Eles são cegos, senhor - responde o garoto - Perderam a visão salvando o
clube de um incêndio no ano passado. O clube permite que joguem de graça.
- Que chato - lamenta o padre - Vou rezar por eles esta noite.
- Vou pedir a um colega, oftalmologista, para ver o que se pode fazer por
eles. - acrescentou o médico.
- O engenheiro pergunta: - Mas porque é que eles não jogam à noite,
porra ??